segunda-feira, 28 de julho de 2014

Review Surviving Raine #1 - Shay Savage

Título: Surviving Raine #1
Série: Surviving Raine
Autora: Shay Savage
Avaliação: 3/5
Data de Publicação: 19 de Maio de 2013.
** O livro pode ser encontrado aqui.


Gostei muito da originalidade da narrativa como uma história erótica. Se fosse filme, aí seria clichê total. Também gostei da forma como o livro foi estruturado, com menos capítulos do que estou acostumada e todos eles longos e bem desenvolvidos. 

Não gostei das enormes coincidências que aconteceram, eu esperei ao longo do livro todo uma explicação mirabolante para fazer as coisas mais interessantes, complexas, misteriosas... mas, não, foi só uma enorme coincidência mesmo. Também não gostei de como o amor entre a mocinha e o mocinho aconteceu tão rápido.

Eu tive uma decepção com o final da história, pois eu li muitas reviews e acabei criando muitas expectativas. Eu li várias reviews falando que o livro terminava com cliffhanger e, por conta disso, criei vários cenários do que poderia dar errado no final. Eu achei que alguém ia levar um tiro, que a mocinha fosse ser raptada e vários outros tipos de desgraça passaram pela minha mente, mas na hora H foi a coisa mais boba ever. Realmente faltou, para mim, emoção em algumas partes. 


Vou ler a continuação, em algum momento, mas não estou muito animada não.

sábado, 26 de julho de 2014

Review Flirting with Danger #1 - Claire Baxter

Título: Flirting with Danger #1
Série: Firefighters of Adelaide
Autora: Claire Baxter
Avaliação: 2.5/5
Data de Publicação: 09 de Setembro de 2013.
** O livro pode ser encontrado aqui.


Livro light demais, repetitivo, romance deixa a desejar.

A história se passa na Austrália, o que foi algo novo para mim. Já a trama em si é cheia de clichês.

Jasmine Mackinnon e Aaron Parkes são bombeiros, trabalham juntos e possuem um relacionamento amigável. Até que rola um clima entre eles depois de uma festa e eles acabam se beijando. As coisas poderiam ter ido além de um beijo caliente se não fosse pela interrupção do vizinho de Jasmine.

Jasmine não pode se envolver com homens tipo Aaron, pois ela já fez isso antes e terminou muito mal. Aaron apesar de ser incrivelmente lindo e charmoso, ele também é extremamente mulherengo e um solteiro convicto. Ele não tem espaço para outra pessoa em sua vida, apenas breves romances. E isso não é algo que interesse Jasmine.


Porém, depois de conviver melhor com Aaron, ela percebe que tem mais nele do que ela imaginava e ela vê que eles podem ter algo bom juntos. Mas aí Aaron comete um erro e terá que provar a Jasmine que ele é capaz de ser um homem de apenas uma mulher. 

quinta-feira, 24 de julho de 2014

Review Midnight Rescue #1 - Elle Kennedy

Título: Midnight Rescue #1
Série: Killer Instincts
Autora: Elle Kennedy
Avaliação: 3/5
Data de Publicação: 01 de Maio de 2012
** O livro pode ser encontrado aqui.


Hmm, gostei. Livro com vários personagens fortes. Alguns fatos meio irreais, mas, no geral, achei divertido.

Temos uma mocinha inteligente e que sabe cuidar de si mesma. Abby sempre foi sozinha e a vida a fez uma mulher fria. Ela permitiu que os inimigos a capturassem, pois, sendo calculista como é, ela tem um plano. Acontece que seus planos vão pelos ares quando os homens de Morgan a salvam.

Abby precisa encontrar um jeito de continuar com seu plano, mesmo que ela mesma não possa ser a pessoa que irá executá-lo. E Kane é quem a escuta e a faz perceber que ela pode confiar nele. Ele é o responsável por Abby questionar a forma como ela leva a sua vida, fazendo com que ela veja que ela não quer mais estar sozinha.


Leitura rápida e divertida, com bastante ação.

Review Sea of Tranquility - Katja Millay

Título: Sea of Tranquility
Autora: Katja Millay
Avaliação: 2/5
Data de Publicação: 05 de Setembro de 2012.
** O livro pode ser encontrado aqui.


Estou sendo extremamente generosa ao dar nota 2. Esse livro merece no máximo nota 2. Notas inferiores a isso são mega compreensíveis. Eu tive vários problemas com a história, com os personagens, com a forma da narrativa... Até com a sinopse.

A sinopse do livro me induziu ao erro. Eu pensei que o livro fosse rolar de uma forma, e rolou de outra. Sim, depois de ler o livro e ler a sinopse novamente fez sentido, mas, mesmo assim, eu esperava outra coisa. 

O livro é enorme para contar... NADA. A história no duro mesmo poderia ter sido contada em 30 páginas sem todo o detalhamento minucioso de enrolação e todas as repetições de fatos ao longo da narrativa. 

Na primeira metade do livro, eu achei os personagens estranhos, a trama estranha e a forma como a história foi contada estranha. Depois da metade deu uma melhorada, para depois ficar estranho novamente. Quando terminei de ler, eu achei o livro estúpido. Nada realmente fez muito sentido.

Vamos por partes:

Nastya é uma menina que amava tocar piano. Piano era a sua vida. Seu amor. Sua obsessão. Até que ela estava no lugar errado e na hora errada e foi atacada. Ela quase morreu e teve sua mão esquerda danificada, o que refletiu na perda de seu sonho. Ela nunca mais poderia tocar piano como antes. 

Ela nunca se recuperou psicologicamente, mudando a forma como ela encara o mundo. Por exemplo, ela para de falar por pura opção (estranho). E passa a se vestir como uma prostituta com o intuito de afastar as pessoas (estranho. Isso está relacionado com o ataque que ela sofreu, mas continua sendo estranho). 

Eu penso: Sério?? Sério mesmo?? Eu nunca entendi muito isso de se vestir como uma vadia para que as pessoas tenham medo (?) de você. Tem tantas outras maneiras normais de se manter afastada. Uma delas é falando que não está interessada na amizade da pessoa. Mas claro, a menina parou de falar... Ela não queria chamar atenção para ela mesma, mas fez tudo o que podia para justamente ter o resultado contrário. Vai entender...

Não é apenas Nastya que é a isolada da escola não. Josh Bennett também merece o tratamento de isolamento. As pessoas tem medo de Josh por causa de sua vida trágica. Desde seus 8 anos, as pessoas de sua família morrem, até que Josh está sozinho. Assim, ninguém se aproxima dele, com medo de ser o próximo a morrer...

Outra coisa que eu não compreendo. Sério que isso acontece? As pessoas simplesmente isolam uma pessoa porque a sua família morreu? Estranho...

Nastya acaba criando uma amizade estranha com Josh. Ele gosta de construir coisas com madeira à noite, até de madrugada, e Nastya começa a aparecer em sua garagem e fica o observando. Sem falar nada. E ele deixa. (estranho).

Fica nessa durante grande parte do livro. Até que ela resolve falar, somente com Josh. E eles começam uma amizade estranha. E depois, um namoro ainda mais estranho.

O mistério sobre o passado de Nastya não é bem desenvolvido. Ele fica morto, não te prende, é chato e estranho. E quando todo mundo sabe sobre o passado de Nastya, a forma como é concluído é bem insatisfatório e desenvolvido de uma forma que contradiz todos os antigos atos de Nastya.

E falando em Nastya, esse não é nem o nome real dela. Mas a sua família aceita chamá-la assim, bem como o pessoal da escola. O que é mega estranho.  

Outra coisa, Josh é do tipo mocinho bundão. Sempre que as coisas ficam difíceis, ele pensa “ai, eu não queria estar aqui, ter que enfrentar isso. Eu queria sair correndo”, e isso quando ele deveria estar ajudando a garota que ele se diz estar apaixonado. Não gostei dele, não gostei da Nastya e não gostei do estúpido mistério. 

Livro estranho. 

quarta-feira, 23 de julho de 2014

Review More Than Him #3 - Jay McLean

Título: More Than Him #3
Série: More
Autora: Jay McLean
Avaliação: 3.5/5
Data de Publicação: 27 de Janeiro de 2014.
** O livro pode ser encontrado aqui.


O livro é bom e a escrita é boa, nos propiciando a conclusão da história do Logan e da Amanda e, finalmente, todo mundo tem o seu final feliz.

Depois daquela noite, Logan se culpa pelo o que aconteceu e resolve viajar para a África, trabalhando no “médicos sem fronteiras”. Durante a sua viagem, ele escreve diários, assim, nós temos uma visão melhor dos motivos que o levaram a agir da forma como ele agiu no final do livro passado.

Amanda ainda tenta se reerguer e ela também sente culpa sobre aquela noite. Em sua cabeça, ela foi a culpada (apesar de ninguém ter culpa propriamente dita, eu concordo um pouco com ela. Afinal, se ela tivesse ficado na dela nada daquilo teria acontecido...enfim...)

Logan retorna aos EUA e tudo acontece muito rápido. Ele encontra Amanda em uma festa e eles já estão praticamente juntos novamente. Primeiro eles conversam, discutem, ela esbofeteia ele... Enfim, depois de tirar a raiva do passado, eles estão juntos novamente. O que me fez questionar os motivos que levaram Logan a se afastar dela desde o início, pois achei tudo meio fraco, sem peso significante para dar as costas para a pessoa que você ama.

Claro que isso tudo é reflexo da necessidade de uma continuação, o que para mim poderia ter sido resolvido no livro anterior. Sem continuação.

O que eu gostei muito nesse livro foi que o personagem do pai do Logan foi ainda mais incrível que no livro anterior. Um pai daqueles não se encontra em qualquer lugar não. Outra coisa que eu gostei também foi a prévia do que será discutido no livro do Dylan e da Heidi. Fiquei muito animada com a história deles, como as coisas ficaram entre eles. Lembrando que o More#4 é a história da Lucy e do Cam.


No final das contas, nós temos aqui um livro bom que não decepciona ao nos dar um merecido final feliz.

terça-feira, 22 de julho de 2014

Review Slammed #1 - Colleen Hoover

Título: Slammed #1
Série: Slammed
Autora: Colleen Hoover
Avaliação: 2/5
Data de Publicação: 05 de Janeiro de 2012.
** O livro pode ser encontrado aqui em português.


Li. Tentei gostar. Mas não funcionou.

Um drama cheio de coincidências com uma pitada muito pequena de romance. E o pior de tudo é que o livro ainda tem continuação.

Algumas vezes a narrativa prendia a minha atenção, mas na maior parte do tempo eu queria que as coisas chegassem aos finalmente para ver se a mocinha ficava mais madura. O mocinho também não caiu nas minhas graças não.

O que acontece é que Layken perdeu seu pai e se mudou para outra cidade com sua mãe e irmão mais novo. Ela perdeu seu brilho e felicidade, talvez até a sua esperança, até que ela conhece Will Cooper.

Will é o novo vizinho de Layken, e ele também tem um irmão mais novo. Apesar de ter apenas 21 anos, Will é o responsável de trazer dinheiro para casa e cuidar de seu irmão.

Ele e Layken se conectam muito facilmente e ambos queriam se conhecer melhor. Porém, eles descobrem que isso não poderá acontecer, pois Will é o professor de Layken.

Com esse relacionamento proibido, Layken se vê cada vez mais perdida e sozinha. Mas, por meio de Will, ela encontra na poesia alguma força para expressar seus sentimentos.

Aí tem hora que Will dá bola para ela. Ela retribui a atenção, mas depois ele é frio de novo, colocando um muro entre eles. Mas depois ele abaixa o muro. E depois o eleva novamente. Booooring...

Não sendo suficientes todos esses dramas na vida de Layken, ela terá que ser ainda mais forte, pois, logo, logo, algo ainda pior está para acontecer. E a sua vida acaba ficando muito similar com a de Will.


Como eu disse, é um drama cheio de coincidências e eu realmente não curti a história. 

Review Losing It #1 - Cora Carmack

Título: Losing It #1
Série: Losing It
Autora: Cora Carmack
Avaliação: 4/5
Data de Publicação: 12 de Outubro de 2012.
** O livro pode ser encontrado aqui em português.
*** E em Inglês, aqui.


Nessa história, você não vai encontrar nada incrível, mirabolante, que vai te surpreender e ocupar todos os seus pensamentos por dias. Nada disso.

Você vai encontrar uma escrita boa e uma narrativa que flui normalmente. Mas mesmo assim, nada incrível.

O que eu gostei nesse livro foi que ele foi exatamente o que eu precisava no momento em que eu o li.

Eu queria algo light e que me fizesse rir. Nada angustiante e dramático. E foi exatamente isso que eu encontrei.

A história é clichê, mas nem por causa disso eu deixei de dar boas risadas.

Bliss Edwards é virgem. E ela não quer mais ser virgem. Para resolver o problema, ela decide que será igual arrancar um band-aid, rápido e simples. Assim, ela procura um cara para passar apenas uma noite.

Ela encontra o cara perfeito em um bar. Lindo e com um sexy sotaque britânico, Garrick Taylor entra em cena.

Depois de risadas e uma conversa boa, Bliss leva Garrick para o seu apartamento e a coisa começa a esquentar. Só que na hora H, Bliss surta e despacha Garrick com a peeeeor desculpa ever.

O que Bliss e Garrick não sabiam é que eles se veriam de novo. Apesar de todo o constrangimento que se passou entre eles na cama, as coisas estavam prestes a piorar. Afinal, Garrick é o professor de teatro de Bliss.  


Livro leve e divertido. 

Review More Than Her #2 - Review Jay McLean

Título: More Than Her #2
Série: More
Autora: Jay McLean
Avaliação: 4/5
Data de Publicação: 18 de Novembro de 2013.
** O livro pode ser encontrado aqui.


Na continuação da série More, nós temos a história de Logan e Amanda.

Logan é um cara que nós amamos mesmo quando ele é um total babaca. Ele é o tipo de cara que, em um instante, chama uma menina de “dude” e no próximo está tentando beijá-la. Apesar da vida difícil que ele teve na infância, ele conseguiu superar os problemas e não permitiu que seu passado determinasse o seu presente e futuro. Ele é um cara popular, bonito e mulherengo. Mas ele se interessa por uma menina. Amanda.

Amanda, no início, não dá muita bola para Logan. Porém, depois de uma noite com ele, sem sexo (do tipo a parte do menino na parte da menina), mas com um orgasmo, muitas risadas e conversa boa, ela enxerga nele algo que vale a pena ser investido.

Eles combinam de sair de novo. Mas isso nunca acontece. E mesmo Logan dizendo que irá ligar para ela, ele nunca liga.

Amanda, arrasada, comete erros para tentar superar Logan e coisas ruins acontecem com ela. Sendo muito fácil para ela colocar a culpa, do resultado dos seus atos, no desprezo de Logan.

Depois de um tempo, Amanda está mais forte e acha que já superou o passado. Ela faz de tudo para evitar Logan na faculdade, enquanto ele faz de tudo para encontrá-la. Até que chega um momento que ele a encontra. E Amanda percebe que antigos sentimentos por Logan ainda estão lá.

Eles começam a se conectar novamente e é muito fofo ver como Logan consegue se abrir com ela de uma forma como ele não faz com mais ninguém. Quando tudo estava certo que eles teriam um futuro juntos, um monstro que sempre assombrou os sonhos de Logan aparece em sua frente. Não em forma de sonho. Mas em forma de realidade. E depois disso, Logan não consegue mais lidar com seus sentimentos e se afasta de uma Amanda desolada.


Sim, o livro não tem um final feliz. Mas ele tem uma continuação. Eu, sinceramente, preferiria que tudo tivesse se resolvido em apenas um livro, sem mais sofrimento em um próximo, mas a autora tem uma escrita muito agradável, a narrativa prende a sua atenção e os personagens, principalmente Logan, são muito bem construídos. Aliás, eu queria que o livro tivesse muito mais foco em Logan do que na Amanda. Afinal, a vida dele, tanto a de sofrimento quanto a de superação, foi muito bacana de ser lida. Que venha o próximo.

segunda-feira, 21 de julho de 2014

Review Out of The Shallows #2 - Samantha Young

Título: Out of the Shallows #2
Série: Into the Deep
Autora: Samantha Young
Avaliação: 3/5
Data de Publicação: 02 de Abril de 2014.
** O livro pode ser encontrado aqui.


O livro foi uma agonia só. O que salvou foi a incrível escrita da autora, fazendo com que a narrativa fosse atraente.

Infelizmente, os personagens perderam um pouco do brilho que possuíam no primeiro livro, principalmente o Lowe (o que foi uma pena, porque eu gostava mais dele do que do Jake).

Outro acidente marcará o relacionamento entre Charley e Jake. Só que dessa vez quem estará em teste é Charley. Devido ao acidente, ela é forçada a voltar para os EUA e o sentimento de culpa passa a dominá-la. Assim, ela acaba se afastando de Jake sem nem se explicar.

Mesmo Jake sentindo o que Charley está fazendo, ele continua lá por ela. Ele quer mostrar que é capaz de lidar com o sofrimento dela e está disposto a esperar por ela, seja o tempo que for.

Isso foi uma coisa que me incomodou, pois, Jake mesmo afirmando que esperará por ela, chega um momento que ele, simplesmente, desiste. E é Charley quem terá que ir atrás dele.

O personagem do Jake pra mim nunca funcionou muito bem.


Review Into the Deep #1 - Samantha Young

Título: Into the Deep #1
Série: Into the Deep
Autora: Samantha Young
Avaliação: 4/5
Data de Publicação: 09 de Agosto de 2013.
** O livro pode ser encontrado aqui.


Eu gostei muito da história. Samantha Young nos presenteia novamente com um ótimo romance que se passa em Edinburgh.

Tudo muda quando Jake Caplin se muda para Indiana. Ele e Charley Redford começam a namorar e é um relacionamento muito cute. Eles se entendem, conversam e criam várias experiências juntos. Tudo parecia perfeito, até que um pequeno (grande) acidente acontece.

Depois do acidente, Jake não é mais o mesmo e seu relacionamento com Charley chega ao fim.

4 anos depois:

Charley sempre quis fazer um intercâmbio para Edinburgh e chegou a hora de realizar seu sonho. O que ela não esperava era encontrar Jake lá. Com uma namorada.

Ela pensava que já tinha superado o passado, mas a dor de vê-lo ainda é grande. E essa dor fica ainda mais intensa quando Jake faz questão de querer se reaproximar de Charley.


Livro legal, pena que não é um standalone novel.

domingo, 20 de julho de 2014

Review More Than This #1 - Jay McLean

Título: More Than This #1
Série: More
Autora: Jay McLean
Avaliação: 4/5
Data de Publicação: 10 de Julho de 2013.
** O livro pode ser encontrado aqui.



Eu estava há dias procurando algo emocionante para ler, mas só encontrava leituras tediosas. Mas tudo mudou quando peguei More Than This e comecei a ler.

Avisos Importantes:
1-    Não leia a primeira metade do livro na rua, a não ser que você queira pessoas te consolando e perguntando se está tudo bem.
2-    Tenha, pelo menos, dois pacotes de lencinhos por perto.
3-    Prepare-se para conhecer um mocinho mega incrível que tem um sexy sotaque australiano.

Sobre a história:

Mikayla, aos 18 anos, tinha tudo. Um namorado lindo que ela amava. Uma melhor amiga super popular. E, principalmente, uma família incrível (pai, mãe e irmã mais nova). Porém, em apenas uma noite, ela perde tudo. E nessa mesma noite, ela conhece o cara que seria o seu forever.

Primeiro, ela descobre que seu namorado e sua melhor amiga estão tendo um caso há dois anos pelas suas costas. Segundo, arrasada, ela encontra conforto em Jake, um desconhecido que a fez rir em um momento de tristeza. Ela sente uma conexão forte com Jake, sendo capaz de curtir a noite com ele e os amigos dele, que se tornam amigos de Mikayla também. E, terceiro, Mikayla descobre que sua família tinha sido assassinada, e Jake vira seu porto seguro em um momento de desespero.

Sem ter mais ninguém no mundo, Mikayla luta para se reerguer e Jake estará ao seu lado em todos os momentos. Foi muito bacana ver que Jake, mesmo muito novinho, com apenas 18 anos, é um cara maduro e fofíssimo. Sem contar que ele possui amigos incríveis. Aqueles do tipo que estão lá para o que vier: Logan, com seu jeito asshole; Cam, com seu humor provocador; Lucy, a melhor drunk person ever; Heidi, com a sua obsessão pelo Justin Bieber; E, Dylan, com a sua paixão por Heidi.

I more than liked this book.

sábado, 19 de julho de 2014

Review Beloved #1 - Corinne Michaels

Título: Beloved #1
Série: Belonging
Autora: Corinne Michaels
Avaliação: 2/5
Data de Publicação: 27 de Maio de 2014.
** O livro pode ser encontrado aqui.


Se você curte novela mexicana, não precisa procurar mais, esse é o seu livro.

Mocinha: Catherine “Cat” Pope trabalha com publicidade e tem problemas com homens. Os homens de sua vida sempre a deixam na mão, começando por seu pai. Quando ela tinha 9 anos, seu pai saiu de casa, ignorando as suas lágrimas e súplicas para ficar com ela. Ela pensou que tinha superado isso quando conheceu Neil. Depois de 5 anos juntos, eles estavam com tudo planejado para oficializar a união. Até que...

Neil, o ex fdp: Ele aparentava ser o perfeito gentleman, até que sua máscara cai quando Cat pega Neil afogando o ganso com uma amiga sua, Piper. Assim, Cat sofre mais uma desilusão com o sexo masculino. Eles cancelam o casamento e em nenhum momento Neil se desculpa, pelo contrário, ele tem um talento em culpar Cat pelos acontecimentos desastrosos.

Ashton, a amiga: Ashton é quem ajuda Cat a colocar a cabeça no lugar. Ela é a amiga para todas as horas, sempre fazendo questão de mostrar a Cat as coisas que ela não consegue enxergar. Ashton diz que Cat ainda vai encontrar um homem decente. E depois de um tempinho, ele acaba aparecendo mesmo.

Mocinho: Jackson é um ex Seal, dono de duas empresas, uma que lida com segurança e outra com cosméticos. Ele precisa de uma campanha publicitária para sua empresa de cosméticos e tem a deliciosa surpresa quando ele contrata Cat para trabalhar para ele. Eles tinham se conhecido antes quando Cat caiu sentada em seu colo, em um bar. E desde esse dia, ele não consegue parar de pensar nela.  

A história se baseia em Cat com dúvidas. Uma hora ela quer ficar com Jackson, mas, no instante seguinte, ela distorce tudo o que ele diz e como ele age e acredita que ele não quer nada com ela, e, por isso, não deve tentar nada com ele.

Jackson tenta sempre convencê-la de que ela pode confiar nele e ela confia. Até que depois ela perde a confiança. Depois passa a confiar de novo. E para de confiar. E volta a confiar. E para...

Quando ela finalmente quer apostar todas as suas fichas em Jackson e admite para si mesma que está apaixonada por ele, é Jackson quem se afasta, uma vez que acontecimentos do presente e demônios do passado voltam para infernizar seus pensamentos. Jackson acredita que a única forma de salvar Cat é se ele se distanciar dela, afinal, todos ao seu redor sempre morrem. (DRAMA MOR)

O livro estava acabando, mas ainda tinha tanta coisa para acontecer e ser explicada que comecei a ficar preocupada. Bem no finalzinho, Jackson vai para a guerra e coisas acontecem lá e... O LIVRO ACABA. Eu fiquei “COMASSIM???”. Eu jurava que Belonging #2 seria a história da Ashton, mas não, é a continuação desse dramalhão mexicano!!!!! Super desnecessário.

** durante a vida toda de Cat, ela se questionou os motivos que levaram seu pai a sair de casa, e ela sempre se viu como culpada. Quando ela finalmente tem a chance de descobrir o que levou seu pai a sair de casa, adivinhe!!, não tinha motivo NENHUM!!!! Ele simplesmente saiu, se arrependeu e deixou por isso mesmo. Aff!!! Assim, até uma criança de 5 anos escreve um livro, né.


***Complexidade 0. Dramas que a gente já cansou de ler, nada novo. Andamento lento da história. 

sexta-feira, 18 de julho de 2014

Review Tragic #1 - J.A. Huss

Título: Tragic #1
Série: Rook and Ronin
Autora: J.A. Huss
Avaliação: 1.5/5
Data de Publicação: 15 de Maio de 2013.
** O livro pode ser encontrado aqui.


Depois de ler tantas reviews positivas sobre esse livro, eu pensei “é agora que vou ler algo que vai me surpreender completamente!!!”. 

Deixe-me dizer que, a princípio, eu queria dar nota 1 para esse livro, só estou dando mais 0,5, pois a história foi bem original e ganhou pontos com isso. Fora isso, foi uma leitura extremamente desconfortável, com personagens fracos que não prenderam a minha atenção. Toda oportunidade que eu tinha, eu preferia gastar as minhas vidas no candy crush. 

O livro conta a história da vida trágica de Rook Walsh. Ela estava em um relacionamento abusivo e fugiu de seu namorado quando ele quase a matou. Rook não tinha lugar para ficar, nem família e amigos. Quando ela se deu conta, ela estava em Denver, vivendo em um abrigo e trabalhando com limpeza. Depois de ser demitida, acusada de roubar uma joia, ela está mais perdida do que nunca, até que o destino entra na vida de Rook e a envia para Antoine Chaput, um famoso fotógrafo.

Antoine sente uma paixão fotográfica por Rook e quer que ela seja a sua modelo para a campanha TRAGIC. Afinal, o tema é a cara de Rook. Lá ela conhece Elise, namorada de Antoine, e Ronin, irmão de Elise.

Ronin é o cara que vai tirar fotos com Rook. Pelados.

Esse para mim foi um dos maiores problemas e também a originalidade do livro, uma vez que o estúdio de Antoine trabalha com fotos eróticas. O problema é que eu senti que Antoine, Ronin e Elise eram exploradores de miséria alheia. Eles viram em uma menina linda e desesperada por dinheiro, louca por ser independente, a chance de fazer com que ela aceitasse os termos deles sem nem ao menos explicar para o que ela teria que posar. 

Eles só explicam para ela sobre o estúdio depois de encher a cabecinha dela com possibilidades de ganhar montanhas de dinheiro e fama. Sobre o que vai acontecer durante as fotos só é explicado na hora H. Mesmo no início ela dizendo que nunca tiraria fotos pelada e eles dando a oportunidade dela recusar tirar fotos pelada, na hora H eles fazem com que ela tire a roupa por meio de provocações e estimulações sexuais. O que é completamente antiprofissional, uma vez que esse tipo de decisão deve ser tomada quando a pessoa está pensando direito para não se arrepender depois. 

Logo, eles a exploram completamente!!!!! Tem até uma cena em que ela quase tem um orgasmo diante de várias câmeras. E eles possuem a cara de pau de afirmar que o estúdio não produz material pornô, e sim material erótico de bom gosto. Aff. 

Sobre a relação Ronin e Rook, achei que tudo entre eles rolou muito rápido, nem deu tempo de criar conexão entre os personagens. E Ronin foi quem mais a explorou e abusou das feridas psicológicas de Rook.

Eu achei muito mais real o relacionamento entre Rook e Spencer. Spencer sim foi direto ao ponto com ela, disposto a mostrar desde o início a proposta de trabalho que ele queria oferecer a ela, sem enrolação e fantasias de que ela ganhará montanhas de dinheiro. 

Conclusão: leitura/história desconfortável devido a muita exploração de miséria alheia. 

quinta-feira, 17 de julho de 2014

Review Tamed #3 - Emma Chase

Título: Tamed #3
Série: Tangled
Autora: Emma Chase
Avaliação: 3/5
Data de Publicação: 15 de Julho de 2014.
** O livro pode ser encontrado aqui.


Quando eu li Tangled, eu não fui com a cara da Dee, porque ela parecia chata.

Quando eu peguei Tamed para ler, eu pensei “tomara que ela não seja tão chata no livro dela”.

Não dá para ter tudo que a gente quer. A verdade é que Dee não é SÓ chata, ela é incrivelmente insuportável e doida. Fiquei com pena do Matthew.

Aliás, nota 5 para o Matthew. Ele é fofo, romântico, engraçado, bem humorado, bom de cama. Definitivamente melhor que uma Brastemp. E, infelizmente, ele se apaixona por Dee.

A história se passa na mesma época de Tangled. Enquanto Drew estava se envolvendo com Kate, Matthew estava se envolvendo com Dee.

No início, Matthew e Dee passaram uma noite incrível juntos, sem compromisso, até que Matthew começa a se interessar por ela de uma forma mais especial. Dee avisa logo que não é boa em relacionamentos e Matthew leva um tempo para realmente acreditar nisso. E quando ele acredita, Dee terá que correr atrás do prejuízo.


Livro meh. 

Review Twisted #2 - Emma Chase

Título: Twisted #2
Série: Tangled
Autora: Emma Chase
Avaliação: 4/5
Data de Publicação: 25 de Março de 2014.
** O livro pode ser encontrado aqui.


A melhor parte desse livro é quando Drew nos conta a história. Infelizmente, a maior parte do livro é contada pela perspectiva de Kate.

Kate não é engraçada como Drew e não tem respostas espirituosas como ele. Mas acaba sendo interessante saber o que se passa na cabeça dela.

O livro carrega um grande teor de leitura angustiante, mas, graças a deus!!!, tem um final feliz.

Kate e Drew estão morando juntos, felizes e com uma vida sexual mais do que satisfatória. Porém, por causa de um mal entendido e falta de comunicação, a vida dos dois desaba.

Drew acredita em uma coisa e Kate em outra, criando um problema colossal no relacionamento deles. Assim, Drew usa todo o seu veneno para atacar Kate verbalmente e colocar um fim na união dos dois.

Deixe-me dizer que apesar de, muitas vezes!!!, querer dar um soco na cara linda do Drew, as alfinetadas dele e a forma como ele usa momentos de vulnerabilidade e entrega de Kate para esfregar na cara dela e fazê-la sofrer foram incríveis, porque as coisas que ele disse realmente doem!!!!

Imagina, você se entrega completamente de corpo e alma para um homem e em uma briga ele usa isso para te humilhar e machucar. Realmente, dói. Meu ponto é que a autora conseguiu criar em Drew um personagem muito forte, porque mesmo ele sendo um completo babaca é impossível não amá-lo.

Depois de muito sofrimento, eles, finalmente, conseguem conversar e desvendar o mal entendido. E tudo fica bem.

Review Tangled #1 - Emma Chase

Título: Tangled #1
Série: Tangled
Autora: Emma Chase
Avaliação: 5/5
Data de Publicação: 02 de Agosto de 2013.
**O livro em inglês pode ser encontrado aqui.
*** Em português aqui.


Livro que super vale a pena ler. Muito bem escrito, narrativa que flui naturalmente, história interessante, divertida, e, o melhor!, personagens muito bem construídos.

Quem nos conta a história é Drew Evans, o cara mais lindo e arrogante ever. Drew é confiante, mulherengo e competitivo ao extremo quando se trata de trabalho. Principalmente quando a brilhante Katherine Brooks, a garota que foi capaz recusar o charme de Drew, passa a trabalhar com ele.  

Drew sente uma atração perigosa por Kate, fazendo com que ele pense em quebrar uma de suas regras: nunca durma com alguém que trabalhe com você. Mas, no final, ele não tem muito com que se preocupar, afinal, Kate não está interessada, pois ela é comprometida, ela tem um noivo.

A história é muito divertida, é muito engraçado ver Drew querendo acreditar que está sofrendo por estar gripado, quando, na verdade, ele sofre é de amor.

Aos poucos o cara arrogante vai se tornando um cara apaixonado, disposto a lutar pela mulher de sua vida.

Recomendo muuuuito!!!

quarta-feira, 16 de julho de 2014

Review Until Nico #4 - Aurora Rose Reynolds

Título: Until Nico #4
Série: Until
Autora: Aurora Rose Reynolds
Avaliação: 2.75/5
Data de Publicação: 29 de Maio de 2014.
** O livro pode ser encontrado aqui.


Esse foi o livro que eu menos gostei dos irmãos Mayson.

Não senti muita conexão entre os personagens e achei que tudo aconteceu muito rápido.  

Sophie Grates é uma menina que teve um passado difícil, e diante disso ela se distanciou do mundo. Ela, sozinha, foi para outra cidade, onde não tinha amigos e nem fazia questão de tê-los. Até que ela conhece Nico.

Nico é totalmente o oposto dela. Ele é cheio de tatuagens e está longe de ter uma vida segura. Aos poucos, Nico consegue entrar na bolha de Sophie e descobre o que a motivou a se afastar do mundo. E ele fará de tudo para ajudar Sophie a combater seus medos.


Livro meh. Eu gostei tanto do Nico nos outros livros que esperava algo mais especial nesse.