sábado, 5 de julho de 2014

Review Seven Sons #1 - Lili St. Germain

Título: Seven Sons #1

Série: Gypsy Brothers

Autora: Lili St. Germain

Avaliação: 1/5

Data de Publicação: 03 de Janeiro de 2014.
** O livro pode ser encontrado aqui.


Eu não curto muito histórias mega sombrias não, mas esse livro me chamou atenção pela propaganda do produto. A sinopse dá a entender que o livro é badass ao extremo. Aí fiquei curiosa.

A história é basicamente isso: 

Juliette Portland quando tinha 15 anos teve sua inocência roubada por seu tio, Dornan Ross, e os filhos dele. Por disputa de poder, já que eles fazem parte de uma gangue de motoqueiros (Gypsy MC), eles estupram Juliette e a machucam ao ponto em que ela quase morre. Além disso, eles matam o pai dela justamente para roubar a organização que ele criou. Com a ajuda de Elliot, um policial, ela consegue desaparecer e evitar que Dornan e sua família a matem.

Depois de anos, ela, com 21 anos, se transforma em Samantha Peyton com o intuito de buscar vingança. Ela quer que Dornan e seus filhos paguem pelo que eles fizeram com ela. Ela quer que eles sofram como ela sofreu. Assim, ela se infiltra dentro da Gypsy MC com o objetivo de roubar o vídeo em que eles a violentam para que eles sejam presos.

Porém, Juliette se vê balançada por antigos sentimentos quando ela reencontra Jase, o único filho de Dornan que é diferente. Eles se amavam quando jovens e ele foi o único que tentou defendê-la quando eles tentaram a matar.

Quando eu vi que a história envolvia vingança, a minha expectativa era que a mocinha tivesse um plano incrível, mirabolante, que fosse capaz de fazer Dornan e os outros pedirem para morrer. E que decepção. Ela está super perdida. Não tem plano nenhum. Chega a ser ridículo. Ela consegue se infiltrar na organização, mas nem é da forma como ela esperava. Ao contrário, ela se vê como a vadia particular de Dornan. E para piorar, ela meio que curte!!!! Ela tem orgasmos com ele e ainda acha que ele beija bem. Isso do cara que a estuprou, tirando a sua virgindade!! GROSS!!!

A vingança dela é bolada no momento e é triste de sem graça. Não há dor psicológica nenhuma, simplesmente a morte. Enquanto ela, para mim, ainda levava a pior. Cadê os livros com vinganças bem construídas? Aqui você não vai encontrar isso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário