sábado, 28 de fevereiro de 2015

Review "Rock Chick Regret (Rock Chick, #7)" - Kristen Ashley

3.5 of 5 stars

(contém spoiler) Achei esse o mais diferente de todos os outros livros da série. Nos outros o humor estava presente desde o início. Nesse, o humor foi aparecendo aos poucos, sendo um livro muito mais pesado porque Sadie, a nossa mocinha, é estuprada. Acho esse tema muito doloroso, mas também acho importante o assunto ser debatido para ajudar muitas pessoas que já passaram por isso. O Hector já me decepcionou no livro da Jules e, nesse, ele deixou a Sadie na mão algumas vezes, mas ele também teve que ralar muito para conquistá-la. Então, acho que ele se redimiu. No geral, é um livro bem a cara da autora e faz a série seguir bem.

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Review "The Game Plan (Neighbor from Hell, #5)" - R.L. Mathewson

2.5 of 5 stars

Eu adoro essa série, mas esse livro foi bem decepcionante!
O humor foi pastelão demais, sendo muitas vezes até ridículo.
Senti falta das "brigas" dos vizinhos, da história em si e os personagens não me cativaram... faltou muita coisa...
Uma pena.

domingo, 22 de fevereiro de 2015

Review "Lifers" - Jane Harvey-Berrick

My rating: 2 of 5 stars

Livro muito enrolado, repetitivo e longo! Poderia ter sido menor com uma história muito mais interessante.
Os personagens demoraram muito para me cativar. Só lá pelo final do livro que eu achei que as coisas foram melhorando para depois virar enrolação de novo.

sábado, 21 de fevereiro de 2015

Review "Play of Light" - Debra Doxer

My rating: 3 of 5 stars

Três estrelas completas?? Acho que não, mas foi por aí.

O livro retrata uma história bem bonitinha de amizade entre um menino, que perdeu sua família e teve que morar com o tio, que era um criminoso, e uma menina que tinha uma vida perfeita, com uma família amorosa e atenciosa.

Esse menino, Spencer, encontrou forças de superação nas conversas que tinha com Sarah, uma menina ruiva que não poderia imaginar o que era a dor de perder uma pessoa amada. Até que Sarah é obrigada a enfrentar essa dor. E quando ela precisa de um amigo para ajudá-la, Spencer faz exatamente o oposto e a faz sofrer ainda mais.

Anos depois eles se reencontram quando Sarah, agora uma mulher, decide que está na hora de enfrentar o passado para que tudo o que aconteceu fique, finalmente, no passado. E, dessa vez, Spencer ajudará Sarah para que eles possam superar o que passou e pensar no futuro juntos.

Livro bonitinho, mas faltou alguma coisa. Acho que a narrativa poderia ter sido mais rica.

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Review "Ten Below Zero" - Whitney Barbetti

1.75 of 5 stars

Esse livro teve uma quantidade incrivelmente expressiva de falas ridículas!!!! Estou dando duas estrelas, que refletem em 1,75, de uma forma bem positiva. Caso contrário, iria para 1... Mas a história é ruim?

Então... não é. Porém, a narrativa é muito irritante, com muitas repetições de frases e palavras ao longo do livro todo. Já a história, ela é bem esquisita em vários aspectos, mas há momentos fofos, e eles foram bem marcantes, com uma mensagem boa e conseguiu salvar o livro de uma definição como sendo, simplesmente, ruim.




domingo, 15 de fevereiro de 2015

Review "New Year in Manhattan (The Empire State Trilogy, #3)" - Louise Bay

My rating: 3 of 5 stars

Gostei.

Eu sou mais livro com história do que livro erótica só com cenas quentes. Então, por isso que não vou dar mais que três estrelas.

Acho que quem curte erótica iria gostar bastante dos livros da Louise Bay, que consegue, também, criar personagens interessantes e uma história leve para envolver o leitor na narrativa.

Esse livro fechou bem essa série e foi bem rápido de ler. A série na verdade é uma boa pedida pra quem quer passar o tempo de forma light e com cenas calientes.


sábado, 14 de fevereiro de 2015

Review "Laces and Lace (Assassins, #6)" - Toni Aleo

2.5 of 5 stars

O livro teve alguns e poucos momentos bons. Boa parte da história você sente muita frustração com os personagens e com a trama que está com cara de dramalhão mexicano.

Não é meu estilo de drama. A mocinha era muito bobinha e a família dela simplesmente insuportável.
O mocinho era fofo, mas dava pena dele por ficar na situação que ficou.

Resumindo: Eles se gostam, querem ficar juntos, mas a família da mocinha não gosta dele porque o pai dela tem um tipo de obsessão pela filha dele. Aí o pai estraga o relacionamento da filha e anos depois ela reencontra o mocinho e eles ficam juntos. O complicado é que o pai da menina continua se relacionando com eles e tentando destruir a relação deles.

Livro com direito a muitos barracos.

Realmente não foi o melhor da autora.

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

Review "Broken (Redemption, #1)" - Lauren Layne

My rating: 2 of 5 stars

Queria ter gostado mais, pois é uma autora que já criou livros que eu realmente gostei e ela também tem uma escrita que eu gosto. Mas não consegui me conectar com os personagens, nem com a dor deles.

Parecia uma história moderna meio 'Bela e a Fera' em um cenário 'Gossip Girls'.

Achei a dor do mocinho plausível, já que ele sofreu um trauma muito grande, apesar de acreditar que não justifica muitas das atitudes dele.

E o que dizer da mocinha??
Achei ela muito fácil. Tanto com o histórico dela quanto com as atitudes dela pós o passado. Também não consegui entender as decisões dela. Não quero julgar, mas também não entendo como alguém larga a faculdade, a família, amigos, casa, cidade, o futuro, por causa de uma besteira tão grande como é o "trauma" dela. Deu para ver que ela é uma menina muito sem experiência de vida, ingênua, cabeça vazia e que acha que seus problemas nunca serão superados.

Me incomodou muito o "problema" dela, pois, apesar dela ter feito algo errado, não era o fim do mundo.

É um livro que dá para ler rápido.

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

Review "The Neighbor #1 (The Neighbor Romance Series - Book #1)" - Claire Adams

My rating: 2 of 5 stars

1.75

Muito fraco em vários sentidos.

Personagens com pouca personalidade. Narrativa corrida. História sem muito foco. Mistério sem sal. Muitos erros bobos de edição, trocando o nome de personagens, por exemplo. Romance pouco construído. Conexão entre os personagens quase inexistente.

Esses são apenas alguns tópicos. O livro poderia ter sido bem mais caprichado.

Review "Hero" - Samantha Young

My rating: 2 of 5 stars

História bem viajante, cheio de elementos de novela e personagens imaturos que necessitam de um hobbie produtivo.

O que sempre me chama muito a atenção nos livros da Samantha Young é como ela consegue costurar toda a sua narrativa de uma forma bem cativante. Nesse livro, porém, é tudo jogado!!! Não tem costura nenhuma. Coisas apenas acontecem e você não consegue gostar de nenhum dos personagens.

A mocinha é uma garota boba que perde o emprego por causa do mocinho. O mocinho é um babaca imaturo que precisa fazer terapia. Por causa do que a família da mocinha fez com a família do mocinho é que ele não a suporta. Ela tenta fazer com que ele goste dela e ele só a trata mal. Por algum motivo, mesmo ele a detestando, ele a oferece o emprego de ser sua assistente pessoal. Ou seja, eles se veriam todo dia, o dia todo.

Com um clima de trabalho intensamente conflituoso entre ódio e tesão eles criam um relacionamento de sexo sem compromisso.

A partir daí a mocinha fica tentando fazer com que ele goste mais dela, pois ela quer um relacionamento, mas ele quer apenas transar com ela. E fica nisso. Eles só brigam e fazem sexo. Brigam e fazem sexo. Brigam e fazem sexo...

Algumas cenas quentes são realmente quentes. Mas a história é decepcionante. Bem decepcionante.

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

Review "Falling for Jillian (Love Under the Big Sky, #3)" - Kristen Proby

My rating: 2 of 5 stars

Livro bem sem graça. A história toda foi uma repetição de uma mesmice boba, sendo bem chato e monótono.

Gostei do conflito do livro, mas só ocorreu no finalzinho, então, não compensou por toda a ladainha que eu tive que ler até chegar ao clímax. Aliás, o clímax da história deixa o mocinho com uma péssima imagem. E eu não consegui me ligar muito aos personagens.

É aquela coisa, Kristen Proby acerta uns e erra outros. Esse foi uma decepção.

terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

Review "Beautiful Redemption (The Maddox Brothers, #2)" - Jamie McGuire

2.75 of 5 stars

Mais ou menos...

O livro começou mais ou menos, depois foi criando um clima mais legal entre os personagens e o ambiente da narrativa. Foi ficando interessante, mas depois foi ficando chato.

Eu não aguentava mais ler sobre a Camille!!!!!!!! Isso foi muito chato!!!!!!

Os personagens centrais tinham sérios problemas de disco arranhado e não foi legal. Também fiquei bastante decepcionada com os serviços do FBI. Nunca vi gente tão sem serviço, parecia uma palhaçada. Trabalho de criança. Parecia que a família Maddox é o centro do universo. Aff... faltou uma dose de realidade.


domingo, 1 de fevereiro de 2015

Review "Winning Appeal (Lawyers in Love, #4)" - N.M. Silber

My rating: 3 of 5 stars

Gostei.

O relacionamento da Beth e do Mark foi muito fofo e divertido. Teve cena besteirol, mas teve outras que salvaram o livro de entrar numa onda de humor ridículo.

O livro seguiu bem o padrão da autora e foi uma leitura leve, rápida e engraçada.

*o Adam estava simplesmente incrível nesse livro. Em todas as cenas com ele eu tinha um sorriso no rosto.